ACHADOS DA NET

A ponte dos suicidas

O vídeo acima pertence ao documentário “The Bridge” – A Ponte (2006), dirigido por Eric Steel. É um alerta a todos nós, para cuidarmos e prestarmos a atenção àqueles que amamos e estão ao nosso lado. Quem for sensível, peço que não veja o vídeo.

 

Durante o ano 2004, Eric e sua equipe filmaram com várias câmeras a ponte Golden Gate de São Francisco (EUA) e captaram as imagens de 19 dos 24 suicídios cometidos ao longo desse ano. Segundo os dados registrados até 2006, mais de 1.200 pessoas perderam a vida, saltando da ponte. No ano 2006 se produziram 38 suicídios, recuperando na baía o corpo de 34 pessoas. Não existe em nenhum lugar do mundo, noticias tão trágicas como essas.

 

Ironicamente, durante o tempo que durou a construção da ponte, só morreram 11 trabalhadores, o qual foi muito aplaudido, devido às péssimas condições de trabalho na época, e pela distancia da ponte e envergadura.

 

A construção da ponte começou dia 5 de janeiro de 1933, e foi finalizada em abril de 1937, abrindo-se ao tráfego dos pedestres e ciclistas. Poucas semanas após sua inauguração, a ponte teve seu primeiro suicídio.

 

A queda tem 227 metros de altura, dura pouco mais de quatro segundos e os saltadores se chocam com a água com um impacto de 120 km/h, o mesmo que uma bola de beisebol atingir sua cabeça, e geralmente morrem pela causa do impacto. Somente 26 pessoas sobreviveram a queda, e acabaram com os ossos fraturados e lesões internas.

 

Varias vezes descartou-se a idéia de construir uma barreira que impedisse os saltadores de cair na água, argumentando-se razões econômicas, estéticas e de engenharia. Entretanto em 2005, levou-se a cabo a idéia de construir tal barreira, para impedir mais suicídios dessa ordem na ponte. A ponte ao invés de ficar conhecida como a Ponte Laranja, hoje tem uma triste realidade, tornando-se conhecida como “A ponte dos suicídios”.